segunda-feira, 20 de julho de 2015

Sobre o dia do amigo



Hey amigo(a)! Você já desejou "Feliz Dia do Amigo" para seu amigo/amiga hoje? 
Hoje foi dia de parar pra pensar quanta gente já passou na minha vida. Eu sempre fui uma pessoa muito comunicativa. Eu sou daquelas que não paro quieta, dou bom dia pro porteiro, paro pra conversar com a atendente da padaria, até com a parede eu falo (se ela puxar assunto comigo... hahaha). Então, imagine só o tanto de gente que já passou pela minha vida?! E cada pessoa que conheço me faz descobrir uma nova descrição para a palavra "amizade". É claro que existe uma diferença enorme em ser colega e ser amigo de verdade, mas o que importa mesmo é a intensidade e a sinceridade envolvidas, sem rótulos. Afinal, nem só de flores vivemos e, as vezes, depositamos confiança demais nas pessoas, até criamos expectativas demais, o que pode virar uma grande decepção. 
Também tem aqueles amiguinhos de quatro patas. Aqueles que escolhemos no petshop ou encontramos abandonados por aí. Esses são anjinhos, capaz de nos ensinar o que é amar, nos tornam humanos de verdade despertando, já cedo, os instintos de companheirismo e cuidado em nós. 
E tem nossa família. Esses são nossos melhores amigos, e o melhor de tudo, eles não vão embora, não nos abandonam, podem até nos decepcionar as vezes, mas na maioria delas, cuidam de nós e participam de todas as nossas fases. Feliz aquele que vê na família um amigo, um porto seguro. 
Sabe, o blog nasceu por falta de amigos. Meu dia-a-dia anda tão corrido, que não tenho mais tempo de parar e jogar conversa fora com os amigos com a mesma frequência que eu tinha antes. E faz parte de mim. Faz parte de mim conversar sobre como eu amei a comprinha que eu fiz, o livro que eu li, a descoberta do shampoo que serve pra lavar o rosto... E quando os encontro de verdade, depois de tanto tempo longe, a última coisa que vou lembrar são desses pequenos detalhes do dia-a-dia.
Sobre o dia do amigo, acho que só tenho uma coisa a dizer: "Saudades dos meu amigos/amigas!".